Como Evitar a Quebra Vocal – Como Cantar bem Evitando a Quebra Vocal

Como Evitar a Quebra Vocal

Aprenda dicas de como se tornar um bom cantor, com aulas de canto online

Aulas de Canto Online: Descubra os segredos no canto que você tanto procura para ter sucesso.

🁢🁢🀫 ↓↓↓ ACESSE OS LINKS ABAIXO ↓↓↓ 🀫🁢🁢

• Inscreva-se em nossa lista VIP e receba muitas dicas!
—>> http://www.aulacanto.com/inscrever_agora

• Conheça o nosso Aplicativo para Celular!
—>> http://www.appcanto.com.br

• Conheça o meu Curso Online!
—>> http://www.alemdavoz.com.br/curso/

• Blog: —>> http://www.aulacanto.com

• Facebook:—>> https://www.facebook.com/aulasdecanto.br

• Twitter:—>> @iaranegrete

 


 

Olá Pessoal, tudo bem ?

Hoje falarei um pouco sobre a quebra vocal, que é algo que acontece com a maioria dos cantores, em algum momento.

O que é a quebra de Registro Vocal?

Esta é uma área da voz, que está situada entre um e outro registro vocal, é geralmente considerado como sendo um ponto de transição ou Passaggio entre um registro e o outro, ou seja, a partir de uma voz grave para uma voz aguda e vice versa.

A transição entre o que é chamado de voz de peito, voz mix e voz de cabeça, tem preocupado muitos cantores. Muitas vezes, se desesperam em perceber que os registros não estão “conectados”. Certamente pode parecer frustrante, complicado e muitas vezes desconcertante quando há, aparentemente, uma quebra, sem solução.

Como detectar a Quebra vocal?

Falta de controle é um dos sintomas. Não há harmonia nas transições de voz de peito, mix a cabeça.

Cantar fora de sua região vocal também pode contribuir e nós todos temos faixas vocais únicas – alguns de nós pode cantar apenas uma oitava, outros até seis oitavas. Podemos treinar e nossa extensão vocal pode se expandir, mas isso leva tempo e dedicação. Até então, a nossa voz tende a falhar quando cantamos fora do nosso alcance vocal. Se tentarmos atingir uma nota aguda ou grave, que normalmente não cantamos confortavelmente, então muito provavelmente, a nossa voz vai falhar, haverá a quebra.

Ansiedade também é um dos fatores e este é simples de entender. Quando estamos nervosos ou ansiosos nossas cordas vocais tendem a ficar tensas e nosso nível de controle vai se alterar.

Tensão demais no canto, por tentarmos algo muito difícil, pode causar estresse em nossas cordas vocais. Este é um pouco mais perigoso, porque não só haverá mais quebras, mas nós podemos causar danos por estarmos empurrando nossas cordas vocais além do seu limite. NUNCA forçar a saída de notas. NUNCA se forçar a atingir notas agudas ou graves, fora do nosso limite. E nunca se forçar a sustentar uma nota.

Sendo assim, é preciso fortalecer suas cordas vocais, seu aparelho fonador como um todo e também seu diafragma. Seu corpo precisa estar pronto para o canto!

1. Pratique a respiração diafragmática e perceba, que com o devido apoio, você não tem que pensar para respirar e que o fluxo de ar acontecerá automaticamente e na quantidade perfeita de vibrar suas cordas vocais para cada passo – não mais – não menos.

2. Isto então vai aliviar a tensão na garganta, eliminando a principal causa da quebra de registro e a ilusão subseqüente que existem coisas como a voz de cabeça, mix e peito.

3. Agora você já sabe, que é possível usar os registros vocais a seu favor, porém, ainda existe algo que não o deixa executar as notinhas com clareza. Será que existe alguma coisa além disso? Que tal se resolvermos de uma vez por toda, aquele “probleminha” de quebra na passagem de voz? Não tem segredo, pois a prática constante de alguns exercícios bem simples, vão fazer este dilema cair por terra.

[Leia o texto por completo em nosso blog – www.aulacanto.com]

Bjka e até sempre.

Boa sorte e sucesso!

Iara Negrete

 

Como Evitar a Quebra Vocal

Você pode gostar...